O "Não" nosso de cada dia


Você consegue dizer "não" sempre que tem vontade?

Escuto muito esse tipo de conflito, "queria falar que não, mas falei que sim".

Que coisa! E porque não disse aquilo que sentia vontade?

Por trás dessa aparente inabilidade existe com certeza um pensamento disfuncional que drena toda a sua capacidade de praticar a sua real vontade.

Pensamentos do tipo: "não posso dizer não", "vou me sentir culpado (a) em não ceder", "não quero perder o afeto de fulano (a)".

Quando você acredita com veemência nesses pensamentos, eles passam a direcionar as suas ações e consequentemente o seu sentimento acaba ficando alterado também.

Ninguém de um dia para o outro fica com depressão, nem ansiedade nem pânico. As situações são construídas pouco a pouco, progressivamente a cada movimento "não autêntico" que você promove.

Aquilo que você pensa necessariamente não é uma verdade absoluta, talvez você pense que "não consegue dizer não"... mas de fato? Será que não consegue mesmo?

Te auxiliar a questionar esses pensamentos e promover uma nova forma de se relacionar consigo e com o meio é uma das vertentes que o Psicólogo Cognitivo Comportamental trabalha.

O primeiro passo sempre dependerá de você, se permitir e tentar um novo caminho.

Porque não?

Refletindo?

#Mudança #limite #ThiagoCaltabiano

Sobre o site

 

 

Com este trabalho queremos ajudar cada leitor a perceber que, mesmo diante das dificuldades emocionais, há possibilidades de superação!

 

Nossa proposta é; produzir materiais e conceder orientação profissional que favoreçam na compreensão de que: Buscar o desenvolvimento pessoal e o cuidado com a saúde são recursos indispensáveis!

CRP 06/6715/J

 

Artigos em destaque

 

 

 

Contato

 

 

Direcionaremos suas dúvidas:

 

(11) 2598-1096

 

E-mail: desenvolvendopersonalidade@gmail.com

 

Atendimentos realizados nas cidades de:

 

Santo André (SP) - Centro

São Paulo (SP) - Pinheiros

  • Wix Facebook page
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon