Sobre o site

 

 

Com este trabalho queremos ajudar cada leitor a perceber que, mesmo diante das dificuldades emocionais, há possibilidades de superação!

 

Nossa proposta é; produzir materiais e conceder orientação profissional que favoreçam na compreensão de que: Buscar o desenvolvimento pessoal e o cuidado com a saúde são recursos indispensáveis!

CRP 06/6715/J

 

Please reload

Artigos em destaque

 

 

 

Contato

 

 

Direcionaremos suas dúvidas:

 

(11) 2598-1096
(11) 97295-0305

 

E-mail: desenvolvendopersonalidade@gmail.com

 

Atendimentos realizados nas cidades de:

 

Santo André (SP) - Centro

São Paulo (SP) - Pinheiros

  • Wix Facebook page
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Qual a hora de dizer "chega"?

16.08.2015

 

Palavra pouco cultivada por muitas pessoas, dizer "chega", significa um movimento de liberdade, onde o indivíduo se liberta daquilo que lhe incomoda.

Durante toda nossa vida somos testados em nossa capacidade de suportar determinadas situações, pessoas e também condições de trabalho. Você acaba se acostumando a essas contingencias, acreditando que as coisas tem que ser dessa forma, se mantendo num movimento passivo e conformista.

 

Porque será que é necessário se chegar ao extremo do incomodo para dizer "chega"? O ser humano é resistente e receoso a mudanças e principalmente tem dúvidas se terá sucesso para superar novos desafios em todos os seus níveis.

Dizer "chega", parar uma situação insustentável, remete impreterivelmente a renúncia da condição anterior e apropriamento de um novo contexto que será instaurado pelo seu "grito de liberdade".

 

Saber o seu limite é muito importante para te auxiliar até mesmo na identidade de quem você é, pois fazer e ser apenas aquilo que os outros querem acabam por contaminar a sua percepção de quem você de fato é, gerando angustia e sentimento de impotência.

 

Saber dar o "chega" é extremamente importante, mas saber tomar as rédeas da sua vida te poupa de ter que chegar ao limite de ter que mostrar ao outro que determinada situação está te violentando emocionalmente.

 

Te auxiliar a compreender as amarras emocionais que te impedem de ser autentico, te ajudar a alinhar o nível dos seus pensamentos para você conseguir lidar com os conflitos, compreender as suas limitações e te ajudar a utilizar as suas potencialidades é alguns dos pontos que o psicólogo trabalha em parceria com você.

Dizer "chega" é muito bom, mas ser capaz de diariamente lidar  com os conflitos é muito melhor e bem menos desgastante do que ter que chegar ao limite do "chega".

 

Vamos refletir?

Please reload